quarta-feira, 21 de junho de 2006

Hai Kais


Vou deixar aqui alguns Hai Kais tão lindos que encontrei.... aliás queria colocar um monte... mas ia perder a graça, então coloquei apenas aquelas aos quais não resisti!


Nos dias quotidianos
É que se passam
Os anos

Hai Kai de Millôr Fernandes







Que tudo se foda,
Disse ela,
E se fodeu toda


A noite - enorme
Tudo dorme
Menos teu nome


Hoje à noite
Até as estrelas
Cheiram a flor de laranjeira


Pra que cara feia?
Na vida,
Ninguém paga meia.


Quatro Hai Kais de Paulo Leminski

Um comentário:

Anônimo disse...

te amoamoamoamoamoamoamoamoamoamoamoamoaaoamoamoamoamoamoamoamoamoamoamoamomuitomuitomuitomuitomuito