quinta-feira, 27 de julho de 2006

Biopoema

Explosão de nervos intensos
Cabelo de fogo aceso, revolto
Ataque precoce
Por medo

Movimentos precisos
Corpo ligado, ativo
Pensamentos notórios
Em luta constante
Vida ardendo aos poros
Errante
Samantha Abreu

2 comentários:

Edu disse...

Isso é a sua cara!

Anderson Almeida disse...

Neste texto você aliou estética a uma estílistica própria, emocionando e sugestionando... gostei.