domingo, 24 de dezembro de 2006

Coloral


Quando ele foi embora, ela tratou logo de tirar todas as flores e cores da casa. Pintou todas as paredes de Bege.

Coisas muito coloridas têm cara de criança, ou de prostitua.

O engraçado era que, mesmo com tudo em bege tão sóbrio, longe dele ela estava se sentindo um pouco dos dois.


Samantha Abreu

Nenhum comentário: