sexta-feira, 2 de fevereiro de 2007

Passa por mim


Passa por mim,
rua iluminada de sol.
Brisa no rosto,
trilha sonora,
slow motion indosso.

Finge que não vê,
faz da bossa solidão.
Continua a rua,
passarela,
no meu corpo inquietação.


Samantha Abreu

2 comentários:

fabrício fortes disse...

gostei (sei que não te digo muito com isso, mas...)

Fabrício Fortes disse...

fabricio.fortes@hotmail.com
e obrigado também pela visita..