domingo, 6 de maio de 2007

Impensável


Pensamento
Que me faz parar os olhos
no nada.
Imagens
na cabeça passando
aceleradas.
Vontades,
Desejos,
Impulsos
Recolho tudo e fecho,os olhos,
a boca,
a mente.
Tento parar,
dou um grito
A alma consente.


Samantha Abreu
foto: Christian Coigny

3 comentários:

Diogo Lyra disse...

O grito... tão ininteligível, mas repleto de significados reprimidos.
Foda!

F. Reoli disse...

Esse grito faz ecos e contagia a multidão dos sentidos - e desse leitor, que abraça - E OUVE, tuas palavras!!!
:***

F. Reoli disse...

Que as chamas e as pulsações se encontrem...sejam em palavras, gritos ou sussurros... te beijo!!!