quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Meus mais que 7 Top Cinema

.
Comecei um super texto sobre meus 7 TOP Cinema que, na verdade, não serão 7. Eu ia escrever sobre os 7 filmes que me arrebataram e como eles são fascinantes. Renata que me deu a idéia. Mas quem disse que consigo escolher apenas 7? Escrevi o texto várias vezes, mas quando chegava ao final, lembrava de algum outro e decidia mudar tudo.
Sendo assim, quero dizer que não consegui escrever o texto. Putz!

Mas vou deixar aqui uma pequena lista dos filmes que lembrei. Não escrevi nenhuma resenha ou crítica porque, como já disse, não consegui terminar de escolher meus preferidos. Mas garanto que todos eles mexem, de um jeito ou de outro, com alguma ferida. Seja ela qual for. Meus filmes favoritos sempre são assim: me deixam angustiada e sangrando por uma semana, mais ou menos.
Vou tentar significá-los com uma palavra, Saussure adoraria isso.

Amores Brutos (Amores Perros, México, 2000): Feridas.

Crash (Crash, EUA, 2004):
Angústia.

O fabuloso destino de Amélie Poulain (Le Fabuleux Destin d'Amélie Poulain, França, 2001):
Derrota.

Casa de Areia e Névoa (House of Sand and Fog, EUA, 2003): Desilusão.

Os Sonhadores (The Dreamers, EUA/França/Itália, 2003): Paixão.

As Horas (The Hours, EUA, 2002): Fascínio.

Closer
(Closer, EUA, 2004): Instiga.

Abril Despedaçado (Abril Despedaçado, Brasil, 2001): Desespero.

Mar Adentro (Mar Adentro, Espanha, 2004): Complacência.

Babel (Babel, EUA, 2006): Compaixão.

Em Nome do Pai (In the Name of the Father, Irlanda/EUA, 1993): Revolta.
.
.

11 comentários:

Maz disse...

as horas - os sonhadores...
amelie, excelente gosto!
já não esperava menos do que isso de você :)
inconstestável à princípio...

disse...

Uou! Dos 10, 5 estão na minha lista de preferidos: a Amélie pela sensibilidade e detalhismo; As Horas pelo conjunto e pela literatura; Closer pelos diálogos mais que bons; Mar Adentro pela ode que é à persistência e a reflexão; e Em nome do Pai pelo sofrimento que a gente passa com aquelas meninas (tem um outro filme com esse nome, acredito que estejamos falado do mesmo).

Ótima lista, moça.

SAMANTHA ABREU disse...

jô, o meu não é das meninas, não.. embora esse tbém seja muito bom.
O meu é família Irlandesa, presa por terrorismo.
No nome tá linkado informações sobre os filmes!

um beijo!

disse...

Ahhhhhhh, tá. Agora que eu vi. Menina, então são três os filmes com esse nome, fora algum q eu não conheça. Vou ver se acho esse. Parece bom, pelas informações...

Solin disse...

é filme que nem ouvi falar, porém não duvido da qualidade do conteúdo. Quero!

paulo dauria disse...

Também nunca consigo me definir por nada que sejam meus favoritos disto nem daquilo!
Mas Crash definitivamente está entre eles, acho que tbém Beleza Americana, de ganhadores de Oscar, só esses, que são exceções na geralmente baboseirada que é esta festa do cinema americano...
Agora, o top top para mim é O Selvagem da Motocicleta, (essa tradução do título é uma droga!)Rumble Fish, do F.F. Coppola. Em uma palavra? Amadurecimento.

Grande Beijo
Paulo

4rthur disse...

A lista é essa? Está certa disso? Don't be Saussure!

;)

Rê Ruffato disse...

Só filme denso, hein amiga???
ô mulher intensa!

E eu linkando "Dirty Dancing", hehehe

jupyhollanda disse...

Ihhh... podemos ir ao cinema juntas! temos o gosto parecido...
hip hip hurra!

;)

bjo

Tarsis disse...

Só 7, assim.. e primeira.. Xiiii..
Vamos ver..

1.Jesus de Montreau

2.Star Wars

3.Os 7 samurais

4.Blade Runner

5.3 homens em conflito

6.Irmão Sol, irmã Lua

7.O homem que amava as mulheres

:D

SAMANTHA ABREU disse...

Puxa Társis!
você lembrou de outros excelentes!
Blade Runner...
3 homens em conflito... uau!

e, cara! Cadê você, hein?!