quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Porque não sou nada exigente...

Pois é, escrevo isso depois de acabar de ver um romance. Sei que amanhã, quando cair em mim, vou achar isso uma bobagem, mas vá lá...
Se eu estivesse procurando um amor nesse exato momento, ele teria todas as péssimas qualidades que um homem pode ter. Sim, assim, contraditório: péssimas qualidades. Digo isso porque tem mulher que acha que o que vejo como qualidade é defeito, e outras mentem, dizendo que não querem homens assim, mas é por eles que elas se apaixonam (que não querem o quê! Ah, vá!).

Barba, camiseta, jeans e cabelo desarrumado (não, não tô dizendo fedido, sujo e maltrapilho). Aham, não quero homem alinhado coisa nenhuma. E nem quero ter que disputar espelho com ele. Ah, e o mesmo serve pra espelho de academias de ginástica. Por favor! Sinto vontade jogar um tijolo nos espelhos de academias sempre que vejo homens erguendo peso e analisando cada músculo do próprio corpo. Prefiro as barriguinhas de cerveja e os quilinhos acima do peso que me deixam ter fofura nas mãos. Quero daqueles que esquecem de pentear o cabelo e a gente tem que ajeitar com os dedos, passando no meio deles. Deus me livre de um gel. Se todas as mulheres soubessem, de fato, o que é enroscar dedos nos cabelos dos homens, elas sumiriam com todos os pentes e potes de gel da casa. E o mesmo serve para os aparelhos de barbear. Experimenta uma roçadinha no pescoço pra ver...

Falar de música (não, não me refiro a um chato que adora um monólogo). Pára tudo: quer ver homem me deixar encantada é desenterrar milhões de cantores, bandas e músicas antigas... falar com propriedade, falar com paixão. Melhor que isso, só se souber tocar um instrumento. Eu ia colocar um de preferência, mas pensei em uns cinco, então deixa pra lá. E olha, música que tô dizendo é música de verdade, não me faça correr quilômetros sem parar, por medo de ouvir coisa que não presta. Fale de música boa comigo e me deixe paralisada, bote um jazz e pronto, sou sua.

Bom humor somado ao mistério (não, não significa tímido, nem bobo). Ah, pronto. Pensa num homem misteriosamente quieto, sorriso de canto, daqueles que não olham pra todas as mulheres do bar e, quando percebe seu olho no dele, faz aquela cara de “você não sabe com quem tá brincando”. De repente, te surpreende e engata uma conversa divertida, agradável e que te faça rir. Taí. É meu cara. Não abre a boca pra falar bobagem, prefere ficar quieto, observando e, quando abre, é pra me fazer rir de verdade, e não apenas pra ser simpática (porque isso é pra phoder com a minha vida).

Liberal (não, isso não quer dizer relapso). Se você quer beber, ele acompanha e não fica regulando: “não acha que já tá bom?”. Se você quer colocar um super decote ele acha lindo, porque sabe que é pra ele, tem segurança nisso. Se você leva suas amigas pra beber junto, ele bate papo com elas, ri, faz com que elas se divirtam. Se ele encontra uma amiga, cumprimenta numa boa e te apresenta. Te leva pra comer uma bela porcaria de madrugada, porque você tá a fim, e é isso o que importa. Quando ele quer sair com os amigos, fala sem melindres, não mente pra tentar amenizar o seu ciúme (nada pior que homem que te trata como se você fosse armar um barraco por ciúme, mesmo antes de você sentir ciúme).

Pois é. Simples desse jeito.
Se alguém aí for assim, tiver um amigo, irmão ou ex-marido... Há!
.
.
.
E mulherada louca, mesmo, tá aqui ó:
Mulheres sob Descontrole, atualizadíssimo.
.
.

22 comentários:

Tyler Bazz disse...

Tirando a barba, eu tava achando que era eu.. jeans, camiseta, cabelo zoado, música...

Mas eu sou tímido, bobo, e falo muita, MUITA bobagem..
aUHauhaUHAuhaUHauhAUHA

;)

Calebe disse...

Será que se eu parar de usar gel...

Polly disse...

Ah, Samantha! Se surgir dois candidatos, por um acaso do destino, será que você me sede o outro? rs.

Adorei!!!
Tô torcendo para que nós encontremos alguém assim...em algum lugar deste planeta.

Beijos

Jana disse...

Menina, todas essas qualidades são qualidades pra mim tb.... ai ai ai

beijos

Jota disse...

Olha, eu acho que de repente eu devo conhecer, sim...

Só não lembro de nenhum no presente momento. Além de estarem todos a quilômetros de distância do Paraná.

Eu acho.

Beijos!

Grazielle disse...

Realmente... ninguém merece gel (essa parte especificamente me trouxe más lembranças rsrsrsrs)

Adorei, Samantha... e não é pedir demais não... e conhecer uns assim até conheço... mas todos comprometidos (afff)

bjus

Alê disse...

Eu me rendo!
Fiquei do lado de cá com um sorrisão aberto no rosto.
Bom final de semana!
Bjos*

D'angelo disse...

Eu quero, eu quero, eu quero!!!

Gabriel disse...

Samantha, que texto beleza! (uh, uh, uh que beleza!)
Tenho a impressão de que me encaixo em 3 dos 4 pontos! (hahahaha)
Bom, mas melhor seria se vc constatasse isso. A gente pode tomar umas aí, em Londrina! :D
gostei da parte do "coloca um decote e ele acha lindo". Também penso assim, tem cara que fica censurando as minas por causa de roupas, eu digo pros meus amigos: "ela tem que estar gostosa mesmo, pros outros olharem, mas ela está comigo!".
E que filme vc viu? Saiu uma baita inspiração, sorte que vc decidiu postar o texto, gostei bastante! E pelo jeito vc é daquelas assim que a vida parece ter uma trilha sonora!
um beijo!

Gabriel disse...

PS. Vc usa last fm?

FINA FLOR disse...

tô contigo!

esse estilo muito me satisfaz :o)

beijos e sorte, frô

[eu já achei o meu!!!]

beijos e bom fds

MM.

Nanda Nascimento disse...

É simples mais é incomum, ouvir jazz, não falar bobeira, e não reclamar de um decote, ele seria perfeito demais!

Beijos e flores!!

Vlademir lazo Corrêa disse...

Bom saber que nem toda mulher quer um homem perfeito. Aliás, perfeição demais ninguém atura. Bom texto!

Cin disse...

Hummm um homem com essas caracteristicas realmente seria bem interessante, pode deixar que se souber de algum assim dando sopa te aviso :)
Bjinhos!

disse...

Putz! Mto bom. Deve ser por esses mesmos motivos que tô só há tanto tempo. Eu não acho que é pedir mto, tu achas? :P Não tem nada demais nessa nossa listinha. Nada de extraordinário. Adorei. :)

Eu tentei postar lá nas Descontroladas, mas dá erro. Adorei a história da crise por uma peruca e uma blusa. Nossa... como os casais brigam por bobagem. rs.

Polly disse...

Adorei ver o "Cremdeuspai" entre os íntimos do seu blog...delícia demais fazer parte deste grupo!

Beijos

FINA FLOR disse...

boa semana pro cê, moça querida

beijos

MM.

Sérgio Luyz disse...

OLha...exceção feita à barriga de breja...olha...que me encaixo...
e provo...

Otávio Augusto Martinez disse...

Não tenho barriga de cerveja. SOu, digamos, fortinho por adorar comer bem. Fora isso, já ouço os sinos da capela anunciando nosso casamento... Ao som de Ta Doleur! hahaha. Já pensou vc, a noiva, entrando com Ta Doleur? hehehe. Que legal!

Beijinhos

Álvaro Andrade disse...

Hahaha
divertido. Todas deveriam fazer listas dessas. facilitaria tanto...

Anônimo disse...

ah, vão ler Cioran, vão!

Fernando disse...

Samantha, este foi o melhor manul "Como me conquistar" que já li! :)

Agora, cuidade, porque os caras podem auto-excluir, caso não atendam um dos quesitos. Ou passará a noite toda pensando se fez tudo direitinho. Isso é cruel! rs. Se bem que, talvez seja o que queres, né. Hehehehe.

Beijocas!