terça-feira, 1 de abril de 2008

Redenção aos Sonhos


"Hay hombres que luchan un dia
y son buenos.
Hay otros que luchan un año
y son mejores.
Hay quienes luchan muchos años
y son muy buenos.
Pero hay los que luchan toda la vida:
esos son los imprescindibles."
(Bertolt Brecht)


.....Sonhava com essas ninfas livres. Quando corri para longe, você lembra, era para me juntar a elas. Eu costumava ouvir, noite e dia, suas vozes clamando por todo o desejo e febre que escondo.
.....Corri por esse caminho tão longe de ti, tão escondido do mundo, e não queria ser encontrada. Já não tenho mais espadas para lutar em nosso favor, e toda a minha vitalidade, agora, pertence aos tais seres fabulosos.
.....Tantos anos de guerra e já não sei quantas batalhas perdi. Decreto: você pode se fazer vencedor sobre minha cama, sobre minha vida e minha sanidade. Só não adentre essa mata, pois são demais os perigos: será dominado e de nada valerá sua força, quando comparada às artimanhas de mulheres encantadas.
.....Sou uma delas agora e minha luta é pela intensidade da entrega, apenas.
.
.
.
Samantha Abreu
foto de Alain Daussin
.
.

29 comentários:

Akinol disse...

See please here

Jana disse...

Não da pra te explicar em poucas palavras, precisaria de uma dia todo, mas foi tão meu...

Bem o post de ontem foi um piadinha sem graça de primeiro de abril. Mas nem tudo nele foi rs

Beijos

Salve Jorge disse...

Então eu me rendo
E me prosto
Pois aposto
Que seu desencontro
É um belo contraponto
E me servirá de remendo
Temperado pela sua entrega
Tal qual as ninfas
Afinal me inflas
Inflamas
Desassossega
Vitimado pelas suas artimanhas
E esquecido de já ter sido são
De tão seu
Largo véu
Sigo ao léu
Sedento dessa entrega...

Clayton Melo disse...

São demais os perigos desta vida para quem paixão.

belo texto! beijo

Nao tem Sentido disse...

Belo texto, muito bom mesmo. visitei seu outro blog... excelente!

Bjs

Grazzi em ContRo disse...

Que alto, hein!:D

Ana disse...

Nada melhor que a intensidade da entrega...
Belo, mulher encantada!
Beijo,
Ana

Bianca Feijó disse...

Caramba Sa!

Queria ter escrito isso...que lindooooo

Luta pela intensidade da entrega, eu visto essa camisa ;)

B.E.I.J.O.S

Bianca Feijó disse...

Ah, hoje lembrei de vc, estava na rodoviária e vi o livro de Anïs Nin, o Henri & June, R$20,00.

Mixei :(

Vou ver se tem na biblioteca pública...rsrsrs

Rafael Avansini disse...

Durmo e tenho um sonho louco que quero transformar em conto, acordo, como, sento na frente do computador e leio algo encantado assim, nesse clima vou dormir e num querer acordar mais...
Bjos

Rafael Avansini disse...

Durmo e tenho um sonho louco que quero transformar em conto, acordo, como, sento na frente do computador e leio algo encantado assim, nesse clima vou dormir e num querer acordar mais...
Bjos

Dolfo disse...

Lutar pela intensidade. Isto � algo realmente louv�vel.

Bjos!

Izabel Xarru disse...

Adoro quando o escritor e escolhido por uma palavra que dilata os seus propositos (e o inscreve nela).
A palavra 'ninfa' tem essa beleza de passar pela mitologia, por imagens de veus, verdades etereas, transparencias,natureza,transicao (entre a larva e o inseto, entre mundos que sugerem processo,complementaridade, crescimento,voo)e, delicadamente, lembrar pequenos labios de uma vulva.
*
!

Grazielle disse...

muulheres encantadas unidas jamais serão vencidas... hahahaha

Lindo, Samantha... De arrepiar!

Cin disse...

Qual de nós nunca se encontrou nessas palavras?
Lindo, adoro vir aqui.
Bjos!

Sérgio Luyz Rocha disse...

Não nos enganemos: no fim de cada dor tem sempre uma vingança (principalmente quando a dor é feminina)...
Ontem vi uma entrevista da Heloísa Buarque de Holanda falando sobre os novos autores que navegam na rede, falando especialmente do talento de muitos deles...eu não sou a Heloísa, nem crítíco literário, mas vc. é uma destas grandes autoras...
Bjs!

Fred Mitne disse...

hehehehehe.. muito perigosa essa guria... só que ver a entrega.. depois!?!?!?! encantado ficarei...

acho melhor eu desviar o olhar... para eu não cair nessa tentação.

Calebe disse...

Ótimo se espairar (não liga pra esse jeito de escrever...) e se espraiar em seu texto, que parece, de fato, uma, a sua cama, vida e sanidade...

Beijo, linda,

Calebe

D'angelo disse...

Texto tenso hein garota bela.
Adoreiiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!

Marina disse...

Lutar pela intensidade...
doce-pimenta-envolvente!

Marina/ falarteando

disse...

A intensidade precisa de mais defensores mesmo. É uma ótima causa. ;)

Bjs, mocinha.

KimdaMagna disse...

Adentraria essa mata ( de que falas). Amo o perigo!
Tem muita vez que sinto a ninfa esvoaçando meus interiores.
Sou ela e dela me decreto,
encantado...
espero o beijo redentor
para me transformar não no príncipe, mas sim no TRONO onde te sentarás.


Xaxuaxo

Fabricio Fortes disse...

muito bonito..
adentrar-se na mata: um erro sempre necessário.

FINA FLOR disse...

já vais viver na mata, não esqueça o repelente, rs*......... Um bom repelente é usar um "não" =]

beijos, bonita!

MM.

Calebe disse...

E já que você não escreveu mais, me espraio de novo em suas letras-sensações (como diria não sei quem por aí: "repetir o amor já satisfaz" - embora eu não concorde muito com isso).

Beijo,

Calebe

marinacruz; disse...

Samantha, sou a Marina do comentário ali de cima. Acompanho teu blog já faz um tempo e aqui entre nós, a-do-ro!
Intimista e intensa. doce-pimenta.

Se puder, da uma passada no meu blog? Comecei hoje, tenho outro om o mesmo nome, mas me identifiquei mais com o blogspot. rs
beijo!

marinacruz; disse...

Samantha, sou a Marina do comentário ali de cima. Acompanho teu blog já faz um tempo e aqui entre nós, a-do-ro!
Intimista e intensa. doce-pimenta.

Se puder, da uma passada no meu blog? Comecei hoje, tenho outro om o mesmo nome, mas me identifiquei mais com o blogspot. rs
beijo!

Anônimo disse...

Adorei o post!

Já que estamos falando da arte de sonhar, dêem uma olhada neste video do youtube http://www.youtube.com/watch?v=hyaX3JgPLVk, ou acesse o site www.meus3desejos.com.br. Tenho certeza que vocês irão gostar.

Abs.

Oliver Pickwick disse...

Ouviram não é, garotas? Se as coisas não andam muito bem por aqui, sejam ninfas, sereias, amazonas ou até mesmo medusas.
Um beijo!